Amigas que me visitam !!

sábado, 3 de março de 2012

- Naperon - Caminho de Mesa

Naperon ou Caminho de Mesa,
ou Trilho de Mesa,
ou Tablecloth,
..ou Runner....

Vários são os nomes dados ao pedaço de tecido retangular,
que usamos para colocar no centro de uma mesa,
ou num móvel, como uma cômoda ou um aparador...

Há infinitas possibilidades...

Pode ser de crochet,
pode ser bordado a ponto cruz,
Com bainhas abertas,
ou com Reticello,
ou bordado a branco, simplesmente,
ou ainda com bordado livre...

Como já disse, as possibilidades perdem-se
no tempo e nas várias técnicas
e variam de acordo com a pessoa que os realiza.....

Há algum tempo comprei,
um pedaço de tecido de algodão na
retrosaria A Papoila, do Entroncamento,
(vale a pena lá ir, pois tem produtos muitos bonitos
e o atendimento é muito bom - ressalte-se que
não estou a ganhar nada com esta informação,
mas da mesma maneira que critico
certos lugares onde sou muito mal atendida,
embora não dizendo o nome desses lugares,
ressalto quando sou bem atendida)...

Adelante....voltando ao assunto principal,
falava eu sobre os caminhos de mesa...

Muito bem...
Comprei o tecido, e como a trama é muito regular,
resolvi fazer um caminho de mesa para a minha sala de jantar...
A pretensão foi fazer um caminho bem simples,
tanto que utilizei linhas que tinha cá em casa...
A bainha em ponto ajour,
assim como o bordado em ponto quadrado foi
feito com linha de crochet número 12.
Somente para o ponto cruz é que comprei
uma meada de linha de um só fio,
da DMC, tipo aquela que se usa para fazer
o bordado rechilieu.
Peço perdão, mas não consigo encontrar
o que restou da meada para dizer
qual o código do produto e o número da
cor.....
O pequeno barrado em ponto cruz,
muito simples, criei no programa de
ponto cruz Pattern Maker for cross-stitch.

Esta pequena peça, comecei cá em Portugal
e terminei quando estive no Brasil...
Sabia-me bem bordar na varanda da casa dos meus pais,
nas tardes ensolaradas e muito quentes...
Saudades.......

Este caminho também esteve na Escola de
Bordados da Lee Albrecht em Campinas,
quando lá estive em visita...

Do Polo Cultural de Fernão Ferro,
que eu frequento, o bordado
foi enviado para a Revista Ponto Cruz e Novidades,
onde foi publicado na edição 152 de março de 2012...


a capa da Revista n. 152 de março de 2012





página 18 da revista



os produtos (acessórios)
quer se vêem na foto, além do caminho por mim executado,

Essa loja é uma perdição:
perto do Parque Eduardo VII em Lisboa,
são vários andares de produtos lindíssimos!!!
Vale a pena lá ir.....

Por último,
destaco que a referida revista está muito interessante,
tendo trabalhos muito bonitos para enxoval de crianças
e para o lar........

Desculpem toda esta ""converseira"",
mas acho que hoje estou inspirada para escrever ahahahahah...

7 comentários:

Nina Dias disse...

Filomena quando gostamos de algo, as palavras nascem da boca facilmente! lindo o caminho, adoro bordado e os vários tipos são sempre bonitos, quando estão com o tecido certo e a linha certa!
Parabéns! bjs Nina
>Lindo sábado pra você!

Marilia Baunilha e Patch disse...

Parabéns, Filomena, pelo reconhecimento ao seu talento e dedicação. Que trabalho maravilhoso!

Beijos,

Eneida

Sonia Facion disse...

Querida amiga, que maravilha um trabalho lindo e digno de apreciação por muitos.

Parabéns pelo trabalho e pela publicação.

O bordado numa cor só me encanta muito.

Bjks

Sonia

Manuela disse...

Olá Filomena

Parabéns, ficou bem bonito e merecedor de ser publicado.

Manuela

helena frontini disse...

Boa tarde, Filomena. As revistas da Editorial Nascimento têm grande qualidade. Ficaram a ganhar publicando o seu trabalho que está um mimo. Obrigada pela dica da feira, quem sabe...
Bom domingo.

Conceição Esteves disse...

Quem merece...merece, e a Filomena mereceu. O destaque, o êxito, e o reconhecimento, afinal a obra é sua, e o talento seu.
Os meus sinceros parabens, pois está lindissimo.
Beijinhos e bom fim de semana.

Faniquito disse...

Ahhh adoro conversar e essa conversa estava muito boa. Só tem o que gostamos: artes e recordações boas da família -como bordar na varanda dos pais, que delícia,né.Nesse calorzão do Brasil então.

São lindos os trabalhos dessa revista q vc nos mostra, adorei.

Beijinhos

Ana